17 de mar de 2011

Pão com mortadela

Eu adoro o gostinho de pão com mortadela. Para mim esse simplório sanduiche tem um sabor inigualável e mais pelas lembranças, do que pelo gosto em si. Durante o período da faculdade, em que estudei de 2003 a 2007, o lanche mais degustado pelos estudantes, era o pão com mortadela, da padaria da esquina. Era bom,barato e saciava.


Esta fase da minha vida foi muito intensa e guardo recordações tanto alegres quanto tristes. Eu já ingressei na faculdade bem velhinha e aos 27 anos, era uma das mais velhas da turma. Isso não me impediu de viver novas experiências, como jogar sinuca e dançar forró num botequim de 5° categoria, ou brincar de salada mista só para ficar com um cara da turma. Eu nunca havia namorado durante o período da escola e comecei a assistir aula de mãos dadas, como uma colegial inexperiente.
Fiz ótimas amizades que permanecem até hoje, terminei um sólido relacionamento de 4 anos e me joguei nos braços de um amor impossível. Fui feliz e fiz algumas pessoas sofrerem, me joguei de cabeça e quebrei a cara, tudo regado a muito pão com mortadela.
Tive um amor rompido, um amor inocente e um amor indencente.
Eu sempre vive lentamente, mas os anos do pão com mortadela foram vividos velozmente. Foi o período da minha vida que mais  me senti atraente e sedutora e capaz de fazer loucuras.
Fiz algumas bobagens que poderia ter evitado, mas não me arrependo. 


"É melhor arrepender-se por ter feito alguma coisa, do que por não ter feito nada" - Gionanni Boccaccio

22 comentários:

  1. Oi Paulinha,nossa, pao com mortadela!!!! que delicia ADORO!!!Uma vez que me marcou muito ,foi a muito tempo atras, acho que no ano de 1987 se nao me falha a memoria ,eu e minha querida mae fomos fazer uma conssulta na casa de uma mulher(na cidade de Bauru interior de s.p) nao me recordo direito o que era aquela mulher na verdade uma especie de vidente, a gente entrava e ela ja sabia tudo sobre a nossa vida e doenças, e prescrevia remedios naturais (tinha uma farmacia so de produtos naturais)E formavam filas e mais filas de gente para fazer consultas com essa mulher .E quando saimos de la estvamos famintas, pois ja passava das 14 horas, passamos no bar da esquina e comemos pao com mortadela e tubaina .E olha foi inesquecivel, acho que foi o lanche mais gostoso que eu comi em toda a minha vida !!!Esse dia me marcou muito.Parece bobeira ne? mas as coisas simples da vida e que sao as melhores.Meu marido e completamente viciado em pao com mortadela ,pena que aqui e caro pois so tem pra vender nas lojas de produtos brasileiros .A minha filha Hayssa adora so que ela soquer comer a mortadela e joga o pao fora rsrsrs.E e isso mesmo Paulinha e melhor a gente se arrepender do que fez do que o que nao fez eu tinha uma amiga que sempre me falava isso ,e tinha toda razao.Parabens pelo post delicioso ,Super beijo

    ResponderExcluir
  2. Aiiiiiiiii que delicia..adorooooooooo..KKK Pois e´ qdo estou ai no Brasil,pao com mortadela e´ essencial..Lembro que qdo voltei de ferias depois de 4 anos fui a padaria comprei pao,mortadela,presunto,queijo,salame,pao de queijo e umas gostosuras mais que so tem por ai.Recebi visita em casa ,a visita nem tchum pra minha mortadela ,ela comeu o queijo com presunto e disse sorrindo :Ahh Mortadela como sempre mas um queijinho hummm.Mas eu nao troquei meu pao com mortadela por nada,pois pra mim foi um luxo..Serio mesmo!!adoro!!

    ResponderExcluir
  3. Que lindo o seu texto!!!
    Pão com mortadela marcou sua vida!
    Bjo.

    ResponderExcluir
  4. Achei maravilhoso o texto. O pão com mortadela faz parte da tua memória emocional de um período vivido intensamente e que deve ser bom de lembrar. Concordo que arrependimentos só devemos ter daquilo que não fizemos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. vc nao esta entendendo.... to no sopao ha 3 dias.... eu vou morder a tela, era tudo o que eu precisava na vida... uiii,... lembrei do tradicional do mercado municipal de SP... ai no Rio tem tbem o sanduba! aqui em Blumenau não existe pão frances bom!! rs!
    um bj doce e apareça nas abobrinhas
    roberta

    ResponderExcluir
  6. Adoro, sabe quando engravidei do Ubiratan desejei pão com mortadela e guaraná, ai pedi pro maridão comprar a vaca da minha cunhada disse que era desejo de pobre e ele não foi.
    Pois o menino nasceu e ama de paixão mortadela.
    Esses dia fui a São Paulo e a vaca(cunhada) disse pro meu marido que comeu pão com mortadela pela primeira vez na vida e adorou, com 25 anos(pasmem).
    bjus

    ResponderExcluir
  7. Ahhh.. os tempos de faculdade.. maravilhosos!
    A minha primeira faculdade entrei com 21 anos. Lá vivi tbm coisas tão intensas, coisas que nunca ousei fazer nos tempos de colégio. Não teve pão com mortadela, só o "salgado da tia", mas era tão booom! Hj, com 30 já estou fazendo uma outra, mas naum eh a mesma coisa. Falta algo acho que eh o "salgado da tia" rsrsrs
    Algumas coisas marcam pra sempre!
    Bjus,q uerida.

    ResponderExcluir
  8. Adorei seu texto Paulinha
    Tenha uma ótima 6ª feira
    bjus

    ResponderExcluir
  9. Oi Paula!!!
    Tudo bem linda??
    Adorei seu texto...é impressionante como a nossa vida são marcadas, por cheiros, objetos e comidas...pão com mortadela me faz lembrar a minha infância, café da manhã com os irmãos e os meus pais, muita conversa jogada fora, risadas, um tempinho maravilhoso...esses momentos deixam saudades...
    Mil beijos

    ResponderExcluir
  10. Paulinha amada!!

    Eu aprendi a gostar de martaNdela (kkk) com o meu marido. Ele adooooooora sanduíche de mortadela e eu comecei a acompanhá-lo.
    Hoje eu adoro!!!!
    Frito na frigideira, passo maionese no pão e devoro!!!!!! rs

    Beijão!

    ps.: que saudade da Paty Chuchu!! Nunca mais consegui entrar no blog dela...

    ResponderExcluir
  11. Paulinhaaa....adoreeeiiiiiii!!!!!!! Tb me lembro com saudades do período da faculdade. Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi Paula! :) Todo mundo tem sua fase pão com mortadela, né... E quem não tem vive se arrependendo depois. A minha não foi bem de pão com mortadela, foi minha fase vinho com chocolate, te juro, precisava pelo menos 3 vezes por semana, rs, era meu combustível destes dias loucos de faculdade, experimentos, amores possíveis, impossíveis e tudo que veio junto...rs Beijos

    ResponderExcluir
  13. Acho que todo mundo tem lembranças "pão com mortadela", hoje acho que tenho mais prazer com o cheiro (pois me traz ótimas lembranças) do que pelo gosto. Bonito texto.
    bjs
    Jussara

    ResponderExcluir
  14. Paula, acabei de encontrar seu blog pelo da Flávia Shiroma...
    Super legal...

    PS: Amuuuu mortadela, como crua, principalmente as temperadas!!!

    Um Beijo

    ResponderExcluir
  15. Paulinha, acho que época de faculdade é a melhor que tem... pelo menos que eu tive... tenho ótimas lembranças dessa época maravilhosa na minha vida também. E minha amizade com a Flávia começou nessa época.

    Pão com "Mortandela" rsrsrs... quem não gosta???????????? É uma delícia!!!!! Acho que vou fazer lanchinho hoje à noite... rsrsrs

    Beijokinhas

    ResponderExcluir
  16. Oi Paula!!!

    Poxa vida, só de ter meu nome entre os indicados já é uma honra! Fiquei imensamente feliz com a sua indicação, não tenho palavras pra te agradecer, de verdade. Mas o faço assim mesmo: obrigada, minha querida. Obrigada.

    Seu texto ficou ótimo, também me lembro com enorme saudade do meu tempo de faculdade. Da delícia que foi, uma época em que tanta coisa aconteceu.

    Beijão! Obrigada

    Carla

    ResponderExcluir
  17. Eu tenho muita saudade dos tempos de faculdade! É como você disse, fizemos algumas bobagens, mas não há nada a se arrepender e sim a recordar! E adoro mortadela, hehehehe!
    Beijo
    Adri

    ResponderExcluir
  18. Como o pão com mortadela carrega tanta emoção né?
    Tantas experiências.
    Muito bom relembrar esses momentos.
    Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir
  19. Oi Paula,
    Passando pela primeira vez, depois de ter visto um comentário todo cheio de elogios no blog da Carla Farinazzi.
    Então, resolvi visitar, conhecer e comentar. Vc já está no favoritos pra eu voltar sempre.
    Lindo blog. E este texto do pão com mortadela ficou demais. Também me acende lembranças de um tempo difícil, onde este simples "sanduba" era um manjar dos deuses.
    O pior (ou melhor) é que ate hoje adoro e não fico muito tempo sem saborear um belo pão com mortadela... risos.
    Sucesso com o blog e um grande abraço!!

    Neo
    Todos os Sentidos.wordpress
    @todosossentidos

    ResponderExcluir
  20. Paula!
    Delícia! Eu adoro pão com mortadela!
    Isso me lembra os desfiles da escola, 7 de setembro e tudo mais...
    E ainda com guaraná caçulinha! Hummmmmm!

    Bem,
    Por aqui tudo caminhando, viu!
    Obrigada pelas palavras e, por favor, ore por aquelas pessoas!

    Beijão!
    ^^

    ResponderExcluir
  21. Olá Paula, passei para votar no blog da amiga Elaine (Um pouco de mim) e estou lhe seguindo. Poxa esse pão com mortadela me deu uma fominha. Adoooooooolooooooooooo. Beijos da Bia. Espero que me visite e também me siga. Sucesso sempre!

    ResponderExcluir
  22. Amor indecente é tão bom quanto o amor inocente.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita. Ficarei muito feliz se quiser deixar seu comentário.