2 de mar de 2011

Ensinando a pescar


Como todas as pessoas, eu tenho qualidades boas e ruins e graças a Deus as boas prevaleceram. Se eu puder ajudar uma pessoa pode ter certeza que eu farei, mas se for para atrasar não conte comigo. Me sinto bem sendo útil para as outras pessoas e acho que isso se deve a minha herança materna. Minha sempre foi e ainda é uma figura super prestativa e desde pequena me lembro que quando ela não podia ajudar alguém, me mandava no lugar dela. Meu irmão também não escapou da sina e ainda hoje, casado e com a próprias obrigações, de vez em quando é recrutado por minha mãe para auxiliar alguém.
Não acredito em fazer algo esperando retribuição em troca e quase sempre me esqueço se fui prestativa com alguém. Só faço o que acredito que tem que ser feito.
Ultimamente tenho acompanhado de perto o drama de uma conhecida, que ganhou bebê a poucos meses e tem passado por sérias dificuldades financeiras. O casal não se planejou e a criança nasceu num momento em que o pai ganha pouco e a mãe não trabalha.
Diariamente ouço minha conhecida reclamar da vida, pois não sobra dinheiro para comprar nem uma bala. E como ela não pensa em trabalhar enquanto a criança ainda é tão pequena, a situação só tende a piorar.
Só reclamar não adianta nada e não fará o dinheiro cair do céu, então o único jeito era arrumar um trabalho que ela pudesse fazer em casa aproveitando algum conhecimento que ela já tivesse, que no caso era fazer sombrancelhas. E para incrementar, limpeza de pele. Dei a idéia e ela gostou. Modéstia parte sou boa para ter idéias. rsrsrs.
Já colocamos o negócio em prática e aos pouquinhos as clientes vão aparecendo. Ajudei no que pude e agora é com ela.

O bom seria que eles tivessem se planejado melhor, pois um momento tão especial quanto a vinda de uma criança, requer um ambiente tranquilidade. E não há nada pior do que a falta de dinheiro, para tirar a paz de um casal. Mas como isto não ocorreu, agora não adianta chorar sobre o leite derramado.

10 comentários:

  1. Adoro pessoas que tem boas ideias...e melhor ainda é quando essas ideias são colocadas em prática! Muitas vezes as pessoas ficam na letargia, esperando que as coisas caiam do céu...o que cai do céu é chuva! Então, vamos trabalhar!!! Beijos, lindona!

    ResponderExcluir
  2. Querida estamos então num momento bem parecido, um primo meu está desempregado e ele é novo tem apenas 18 anos, chega a ser mais novo que eu rsrs e ele e a namorada vão ter um filho que tbm não foi planejado, estamos ajudando eles aqui em casa enquanto organizam a casa deles e tals, estamos fazendo de tudo pra ajudá-los. Minha família parecer ser igual a sua sempre disposta a ajudar quem necessita!!

    É desse tipo de pessoa que o nosso mundo precisa não é mesmo? o bom é que estamos fazendo a nossa parte, criando um cantinho no céu!!

    beijos e parabéns pela atitude!

    ResponderExcluir
  3. Oi Paula,que legal,sabe que eu tambem sou exatamente assim amo ajudar as pessoas, e me sinto muito bem!!!Tambem e herança materna, minha mae que hoje ja esta na gloria ,foi uma grande gerreira lutava mesmo com todas as forças para ajudar os mais necessitados mesmo com um historico de 6 cirurgias ,ela jamais desanimou e lutou ate os seus ultimos dias.Mas que otima ideia que voce teve para ajudar sua amiga hein!!!puxa que legal!!Espero que de tudo certo e ela ganhe muitas clientes .parabens pela ideia!!!Sabe que a sua ideia me fez refletir, eu no momento nao estou trabalhando fora ,so cuido da minha filha pequena ,e vou arranjar algo para fazer em casa.Super beijo querida

    ResponderExcluir
  4. Quem semeia o bem só pode colher o bem. E não necessariamente a retribuição venha da sua amiga, mas vem da vida, pode ter certeza.
    Adorei a sua iniciativa.
    Bjus, querida!

    ResponderExcluir
  5. Bacana Paulinha!
    Todos temos um lado altruísta. Aquele lado de querer ser legal e ajudar.
    Mas, existem pessoas (que não foi o seu caso) que, de tanto quererem ser simpáticas e cheias de iniciativas, acabam sendo invasivas! E isso pode acabar com uma amizade.

    Achei super bacana você dar a idéia pra ela.
    Agora tudo dependerá do esforço e determinação dela própria. Sua parte foi feita.

    Paulinha, também quero agradecer de coração pelas lindas palavras de parabéns pelos 2 anos do meu filhote (blog)! rs
    Seus comentários sempre me enriquecem e emocionam, mas ESTE em especial foi SUGOI!!! (maravilhoso!).

    Bjs querida!

    ResponderExcluir
  6. Paula!
    Muito legal da sua parte!
    Muitas vezes nem é por falta de iniciativa dela que ela não encontrava a solução... É que as pessoas tendem a tornar os problemas grandes demais que ficam cegas e não conseguem sair do lugar! É bom ter um amigo para dar aqueeeela cutucada! ^^

    Sobre as dicas "do lar", eu sou desesperada por elas... Tudo pra facilitar a vida da gente e sobrar mais tempo para curtir!
    Quando eu souber de mais dicas eu conto, tá!

    Grande beijo!
    Tudo de bom, sempre!
    ^^

    ResponderExcluir
  7. Paula,

    Isso sim é ajudar. Muito melhor do que darmos alguma coisa a alguém que só sirva para melhorar aquele momento, é podermos oferecer condições da pessoa não precisar mais de ajuda no futuro. Nada como devolver a alguém a possibilidade de se sentir útil e dono da própria vida. Parabéns pela iniciativa. Ensinar a pescar sempre é melhor.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Que bom saber o quanto você é amorosa e solidária com os outros! A idéia foi maravilhosa e espero que o casal possa se organizar para ser feliz daqui para frente!
    Que Deus possa retribuir todo o bem que você distribui aos outros!
    Beijo grande
    Adri

    ResponderExcluir
  9. Paulinha, Deus escreve certo por linhas tortas... Ele te fez amiga desse casal para, justamente no momento certo você dar uma luz para eles... nada na vida é por acaso... todas nossas atitudes tem um fundamento...
    Muito legal da sua parte não esperar nada em troca, parabéns pela atitude...beijinhos

    ResponderExcluir
  10. Parabéns Paula por ajudar com boas idéias... e muita sorte pra sua amiga. Concordo com vc porém, planejar é muito melhor!
    beijocas
    Mari

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita. Ficarei muito feliz se quiser deixar seu comentário.