17 de nov de 2010

Sem palavras

Ultimamente tem me faltado as palavras para escrever no blog, penso em muitas coisas para dizer, mas as palavras não saem com naturalidade. Me sinto aquele escritor que senta diante do computador e fica olhando a tela sem conseguir preencher com algo significativo ou um pintor que não consegue terminar uma obra. rsrsrsrs

Pensei em escrever sobre a moda oncinha, por que meu marido e eu fomos ao shopping  no feriado e ele reparou que várias mulheres estavam com algum adereço com estampa de onça. Na mesma ora fiz ele olhar para baixo e ver a minha sandália rasteirinha, que ele ainda não havia percebido e também era de oncinha. Cheguei a pesquisar na internet para fazer uma postagem bacana, mas ainda não era sobre isso que eu queria escrever.
Comecei então a postar sobre o que as pessoas pensam sobre mim, pois percebo que a maioria confude meu jeito calmo e paciente, com uma certa passividade, como se eu fosse incapaz de reagir a qualquer situação, quando na verdade eu prefiro me poupar de estresses desnecessários e evito ser uma criatura raivosa.
Prefiro fazer a linha mulher de classe do que mulher barraqueira, o que no primeiro olhar me torna metida para muitos. Mas engana-se quem pensa que sou incapaz de "rodar a baiana" ou então que sou uma santa esperando a canonização. Não sou de extremos, mas prefiro fazer o bem do que o mal, escutar do que julgar, ser amiga do que inimiga, ajudar do que atrapalhar e que mal a nisso!? Sou boba, otária ou lerda por causa disso?
Mas o post também não fluiu como eu gostaria, tive que interrompê-lo tantas vezes, que acabei perdendo o fio da meada.
Enquanto continuo sem palavras, vou lendo o post de vocês e esperando que dias mais criativos virão..
Grande beijo a todos

8 comentários:

  1. Olá Paula!

    Seu post sobre esse seu momento, que todos nós temos, foi muito especial, nos mostra que todos temos tais dificuldades...

    Bjs linda

    Mila

    ResponderExcluir
  2. Mas vc mesmo sem saber o que dizer, disse muito!!! Todos temos esses momentos de falta total de inspiração. Eu tenho toda hora e mesmo quando estou inspirada, preciso de concentração para escrever, aí o bicho pega pois com 3 crianças pequenas em casa o que menos tenho é concentração.
    Mas é um momento, daqui a pouco passa.

    beijos

    ResponderExcluir
  3. O verdadeiro amor não se conhece por aquilo que exige, mas por aquilo que oferece.
    Bjs com carinho

    ResponderExcluir
  4. Oi querida, eu também sou como vc e as pessoas confundem um pouco as coisas né?
    Hoje também não sei bem o que escrever, aí antes de pesquisar alguma coisa, resolvi passear nos blogs!!rs
    beijuu
    www.sermulhereomaximo.com.br

    ResponderExcluir
  5. Paula,

    É bom saber que você é capaz de rodar a baiana!

    Obrigada pelos seus comentários. E um brinde ao respeito entre as pessoas e principalmente entre os amigos.

    Beijos

    Carla

    ResponderExcluir
  6. Paulinha!

    Você não está sozinha neste dilema amiga!
    Eu mesma já fiquei com os dedos "coçando" para postar alguma coisa e não saía nada!! rs

    Pra você ter uma idéia, recentemente li esta postagem:
    http://sozinhaouacompanhada.blogspot.com/2010/11/vazio.html

    ...e vi que não estamos sozinhas! rs.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  7. Paula!
    E eu que estou trabalhando e aí as idéias aparecem e quando eu chego em casa, cadê?!
    Hehehehehe!
    É gostoso escrever inspirada... Por isso nem sempre faço postagens... Tem que fluir!
    Logo a inspiração aparece, vc vai ver!
    E óh, sempre falo isso... Sou boa, mas não sou boba! Tem gente que confunde!
    E estampa de oncinha, tá em alta sim... Compro uma revista de moda que tinha um editorial lindo sobre isso...
    Já é final de semana, então aproveite bem!
    Beijokas!
    ^^

    ResponderExcluir
  8. Blog é a junção das palavras "web" e "log". Ou seja, um diário virtual.

    Nem sempre temos o que escrever em nosso diário.

    Nem sempre as palavras saltam de forma clara para expressar pensamentos.

    A vida é assim.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita. Ficarei muito feliz se quiser deixar seu comentário.